Hinos 201-300

 

Hino 208

 

Hino 214

 

Hino 238

 

1 Que vida plena! Oh! que paz!

Pois Cristo agora vive em mim.

Com Ele me crucificou ?

Glorioso fato para mim.

Já não sou eu quem vive, sim,

Mas Cristo agora vive em mim.

 

2 Oh! que descanso e gozo é!

Em mim formando-se Ele está;

Sua essência divinal

Lavrada no meu ser será.

Ao que era meu já pôs um fim;

É Cristo tudo agora em mim.

 

3 Glória real! Que esplendor!

Engrandecido em mim será;

Em nada envergonhado sou,

Pois no que faço Cristo está.

Em vida, morte, ou pesar,

Vou Cristo sempre atestar.

 

4 Que galardão! Que prêmio bom!

Meu alvo é Cristo, a Ele vou;

Todo-inclusivo Cristo é,

Que mais teria algum valor?

Coroa e glória espero eu:

O inestimável Cristo meu.

 

Hino 241

 

 

1 Ao Salvador eu sirvo,

No mundo hoje está;

Os homens argumentam,

Mas Ele vivo está.

A Sua mão eu vejo

E posso a Ele ouvir;

E sempre está bem perto

A me assistir.

 

Jesus, Jesus

Agora vivo está!

Comigo vai e fala a mim

Em meu peregrinar.

Jesus, Jesus

Transmite salvação;

Sim, sei que vivo está porque

Vive em meu coração.

 

2 Ao meu redor eu vejo

O Seu cuidar de amor,

E mesmo que me canse,

Sustém-me o Salvador.

Em meio a tempestades

Vem Ele me guiar;

Irá, por fim, um dia,

Se revelar.

 

3 Cristãos, regozijai-vos,

Erguei-vos e cantai!

Eternos aleluias

A Cristo, o Rei, alçai!

Socorro e esperança,

Os que O buscam têm.

Como Ele, tão amável,

Não há ninguém.

 

Hino 243

 

 

Hino 250

 

 

1 Achei Alguém de tal valor -

Que gozo me encheu!

Eu vou cantar, pois Cristo achei:

Que Cristo tenho eu!

 

2 De Deus, Cordeiro Cristo é,

A dar-nos redenção;

Sol da justiça é também,

Trazendo salvação.

 

3 Cristo, Árvore da Vida é,

Seu fruto tem dulçor;

A minha fome satisfaz;

Me farta o Senhor.

 

4 Fendida Rocha Cristo é

Com águas a jorrar;

É o manancial em mim,

A sede vem saciar.

 

5 É vida, luz, caminho meu,

Saúde, gozo e mais,

É esperança, bem-estar,

Riqueza, glória, paz.

 

6 É minha glória, meu saber,

Poder e retidão;

Verdade e santidade é,

Vitória e redenção.

 

7 É Salvador, Senhor, Pastor,

O Advogado meu;

Meu Conselheiro e Amor,

Amigo, Pai e Deus.

 

8 Meu Guia e Mestre Cristo é,

Meu Guarda e Capitão;

Cabeça, Noivo amado meu,

Sou Sua habitação.

 

9 Meu Sacerdote Cristo é,

Que vive a interceder;

Profeta de visão e Rei

Que rege com poder.

 

10 Cristo é o Autor da minha fé

E Aperfeiçoador;

É meu Penhor e Mediador,

Fiel Atestador.

 

11 A boa terra Cristo é,

Meu sempiterno lar;

Refúgio, baluarte meu,

Que vem-me sustentar.

 

12 É lua nova, sábado,

Meu dia e manhã;

A minha eternidade é,

Que nunca passará.

 

13 É confiança, anelo meu,

Repleto de primor;

Satisfação e meu prazer,

Me supre com amor.

 

14 Todo-inclusivo Cristo é,

Que mais desejo, enfim?

Ele é o Primeiro e Último,

E tudo para mim.

 

15 Por tal tesouro possuir,

Que gozo me encheu!

Irei cantá-Lo mais e mais:

Que Cristo tenho eu!

 

Hino 257

 

 

Hino 270

 

 

1 Ó Senhor Jesus, Amado,

Capturou-me Teu amor;

És tão doce, desejável,

Tão formoso, tão amável!

Tens beleza incomparável,

És a todos superior!

 

2 Ó Senhor Jesus, Amado,

Tua voz me atraiu;

Quando Te ouvi chamar-me,

Fiz-me pronto a apartar-me

Dos anseios vãos da carne,

Meu orgulho se esvaiu.

 

3 Ó Senhor Jesus, Amado,

Como ser-Te contumaz?

A Teus pés eu tudo deito,

E retorno satisfeito;

Como escravo a Ti sujeito,

Te obedecer me apraz.

 

4 Ó Senhor Jesus, Amado,

Só por Teu caminho vou;

Mesmo em dor obedecendo,

Não retraio, a Ti me rendo;

Agradar-Te é meu intento,

Quero a paz do Teu amor.

 

5 Ó Senhor Jesus, Amado,

Se o rosto Teu se vai,

Eis que a aurora desvanece

E meu riso adormece;

Como anelo que regresses!

Teu abraço me atrai.

 

6 Ó Senhor Jesus, Amado,

Como Te descreverei?

És o meu amor e gozo,

Eternal quinhão, precioso;

Tu és tudo o que mais prezo,

Nada mais procurarei.

 

7 Ó Senhor Jesus, Amado,

Tudo o que é meu Te dou;

És tão doce, desejável!

Tão formoso, tão amável!

Tens beleza incomparável,

És a todos superior.

 

Hino 273

 

 

Noiva:

1 Jesus, Te amo!

O amor Teu por mim

Faz-me sempre buscar-Te,

Correr após Ti.

Faz-me sempre buscar-Te,

Correr após Ti.

Tu és amado,

Sim, totalmente amável,

Em quem se apraz meu coração.

 

Noivo:

2 Melhor que o vinho

É teu doce amor;

O olor dos teus nardos

É superior.

O olor dos teus nardos

É superior.

És uma fonte,

Um poço d'águas vivas,

Torrentes que correm do Líbano.

 

Noiva:

3 Ah! meu Amado,

Vem ao Teu jardim,

Vem comer os seus frutos

De excelso sabor.

Vem comer os seus frutos

De excelso sabor.

Noivo:

Irmã e noiva,

Já entrei no Meu jardim,

A desfrutar mel, vinho e leite.

 

Noiva:

4 Qual selo põe-me

No Teu coração;

É cruel Teu ciúme,

E forte o amor.

É cruel Teu ciúme,

E forte o amor.

As muitas águas

Não podem apagá-lo,

Nem mesmo os rios afogá-lo.

Hino 274

 

 

1 Ó Senhor, Teu belo ser ganhou-me,

Toda minha vida abro a Ti;

Da religião vem libertar-me,

Para eu morar somente em Ti.

E ao contemplar a Tua glória,

Vem encher-me com o Teu fulgor;

Teu Espír'to ao meu agora une,

Me satura, rogo-Te, Senhor!

 

2 Ó Glorioso, o céu está tão claro!

Filho do Homem, posso assim Te ver!

Santo Deus, Teu fogo me consuma

Té que brilhes em todo o meu ser.

Logo ao ver Teu esplendor divino,

O amor próprio, a glória, esvaeceu;

Hoje, o coração meu ama e louva

A doçura deste nome Teu.

 

3 Ó Jesus, meu frasco de alabastro,

Quebro agora por amor a Ti;

Meu Senhor, Te unjo a cabeça,

O melhor guardei só para Ti.

Sim, Senhor, em Ti me desperdiço,

Por Te amar, mui satisfeito estou;

Um amor que sai das profundezas,

Óleo valioso, pois, Te dou.

 

4 Vem, ó meu Amado, sobre os montes,

Quero Tua face contemplar;

Bebe, ó Senhor, da minha fonte

Té nos braços Teus eu descansar.

Não é separado que Te adoro,

Mas co'os santos, Tua Noiva aqui;

Vem depressa, nosso amor Te espera,

Para, enfim, dar pleno gozo a Ti.

Hino 275

 

 

Hino 299

 

 

1 Senhor Jesus, Te escolho

Qual tudo para mim;

Com Teu amor sublime

Me satisfaz, assim.

Senhor, sou um Teu vaso,

Só para Te conter;

Nenhuma outra fonte

Fartou meu ser.

 

2 Senhor Jesus, Te escolho

Qual gozo meu aqui;

E mesmo em sofrimento

Ainda canto em Ti.

Em toda circunstância

Em Ti me alegrarei,

Pois todo o regozijo

Em Ti achei.

 

Jesus, Jesus,

Te escolho, meu Senhor,

Imerso está meu coração

Nas fontes de dulçor.

Jesus, Jesus,

És quem me satisfaz,

És meu real Consolador,

És meu descanso e paz.

 

4 Senhor Jesus, Te escolho

Qual meu Senhor e Rei;

O Teu amor tão grande -

Oh! como expressarei!

A Ti consagro tudo,

Sem nada requerer;

O meu desejo é sempre

Te aprazer!

 

3 Senhor Jesus, Te escolho!

És esperança tal

Que ao meu pensar transcende -

Herança sem igual.

Meu Salvador bendito,

Precioso, singular,

O que eu mais anseio

É Te ganhar.